Teoria da Deriva dos Continentes

A Teoria da Deriva dos Continentes, formulada por Alfred Wegener em 1912, admitiu a deslocação dos continentes uns em relação aos outros, contrariamente ao que se pensava até então. Tudo terá começado quando Wegener, que recuperava num hospital de um ferimento obtido em combate durante a 1ª Guerra Mundial, observou a complementaridade existente entre a costa ocidental de África e a costa oriental da América do Sul e admitiu que os dois continentes pudessem, num passado longínquo, ter estado unidos. Estabelece a correspondência entre as afirmações e os termos da chave.
A posição actual dos continentes é a mesma que eles terão ocupado praticamente desde o início da formação da Terra.
A posição actual dos continentes é diferente da posição que ocupavam no passado e será diferente daquela que ocuparão no futuro.